6 maneiras de trabalhar a mente para não sabotar o seu sucesso em 2021

Olá mamacitas! Chegamos na reta final de 2020, o ano que fez a gente tirar leite de pedra, que logo no primeiro ring fomos nocauteados. Agora é hora de encher os pulmões para o que nos espera em 2021, concentrar nos objetivos e ir, remar e remar… Como uma mulher que segue se movimentando paraContinuar lendo “6 maneiras de trabalhar a mente para não sabotar o seu sucesso em 2021”

2020, um ano de quem cuidou

Resilientes, valentes. Daqui do meu lugar, me refiro à nós, mulheres, tanto àquelas que são mães ou às mães por tabela, que acolhem a amiga, o irmão, o vizinho (o instinto materno corre nas veias de uma mulher). Todas sentiram. Sentiram medo de um futuro incerto amedrontador. Sentiram dores imensuráveis, da perda, da iminência deContinuar lendo “2020, um ano de quem cuidou”

Culpa materna e a nossa mente

A culpa que acompanha nós, mães. Psicólogos dizem que é impossível se livrar dela, mas que, sim, podemos lidar de forma mais branda. Se apegar a essa crença certamente pode trazer leveza para essa maternagem cheia de emaranhados, desafios e misto de sentimentos. Esse papel poderia talvez ser mais leve e mágico se não fosseContinuar lendo “Culpa materna e a nossa mente”

Se conectar para se conectar com os filhos

Olá chicas, como estão? A avalanche de acontecimentos e obrigações ativa o modo automático e se distanciar de você mesma acaba que sendo uma resposta a isso tudo. Talvez uma mecanismo de defesa contra seu lado mais profundo? É quando cai a ficha de que é preciso caber dentro de você primeiro pra se encaixarContinuar lendo “Se conectar para se conectar com os filhos”

Aplicativos de relacionamento é o novo jeito de não “isolar” totalmente as pessoas

No Par Perfeito, uma das maiores plataformas de conhecer pessoas online no Brasil, cresceu 70% o número de usuários Às 21h apita a chamada de um número desconhecido no meu celular. Esse horário é melhor atender. Para uma pessoa preocupada com todos à sua volta esse pode ser um sinal de socorro. Dito e feito.Continuar lendo “Aplicativos de relacionamento é o novo jeito de não “isolar” totalmente as pessoas”

As bruxas sempre estiveram soltas

Hoje, dia 31 de outubro, é o dia das bruxas. A data tem raízes europeia e americana e tudo começou entre o século 15 e 18. Naquela época, houve uma grande perseguição cristã às mulheres sacerdotisas, parteiras e curandeiras que foram queimadas como bruxas nas fogueiras, e mortas de outras formas também. Elas tinham conhecimentoContinuar lendo “As bruxas sempre estiveram soltas”

Como sobreviver às demandas da maternidade

A vida tá uma loucura, eu sei. Tem dias que as 24 horas parecem ter 48 de tanta coisa… Um dos efeitos do nosso atual cenário é a crise do cuidado. 41% das mulheres que seguem trabalhando remuneradamente dizem trabalhar mais na pandemia, assim aponta uma pesquisa feita pela Sempreviva Organização Feminista (acesse aqui). ListeiContinuar lendo “Como sobreviver às demandas da maternidade”

Como nós, mães, podemos nos colocar diante do desmatamento no Pantanal e na Amazônia

Há umas duas semanas escrevi sobre atitudes no dia a dia que podem ensinar crianças sobre ecologia. O fato é que este tema tem martelado bastante a minha cabeça e, nitidamente, a do mundo, né? Afinal, com dois nossos maiores biomas ameaçados, precisamos falar, gritar, agir contra esse mal que tem destruído nossas florestas. QuandoContinuar lendo “Como nós, mães, podemos nos colocar diante do desmatamento no Pantanal e na Amazônia”

Como tornar filhos mais ecológicos

Hoje, dia 5 de setembro, é dia da Amazônia. Com presença em 9 países da América Latina, sendo que o Brasil é o que mais abrange território sobre ela, é o maior bioma do mundo, com 4,2 milhões km² de verde. Infelizmente, o maior pulmão tropical do planeta tem sofrido com aumento do desmatamento. DadosContinuar lendo “Como tornar filhos mais ecológicos”

Mulher e o mercado de trabalho na pandemia

Mulheres são as mais afetadas na carreira com a crise Na caixa de entrada a seguinte mensagem: PARABÉNS! Sua inscrição está confirmada! O tão aguardado dia 13 de março do qual a inscrição se referia nunca chegou. Já era uma constatação de uma catástrofe iminente. Imagina, como reunir um evento previsto para receber 10 milContinuar lendo “Mulher e o mercado de trabalho na pandemia”